Repórter do Fox Sports é assediada sexualmente ao vivo durante transmissão e reage

Numa transmissão ao vivo, a jornalista Maria Fernanda Mora, do Fox Sports, foi vítima de assédio sexual e não se calou. (VEJA O VÍDEO NO FINAL DESTE TEXTO)

A repórter do canal Fox Sports México cobria a festa do Deportivo Guadalajara, e no vídeo é possível perceber o seu desconforto quando é cercada por oito homens enquanto fazia a sua entrada ao vivo.

Enquanto ela falava com os telespectadores do programa Central Fox, a repórter sentiu que estava sendo apalpada. “Me apalparam várias vezes enquanto eu estava ao vivo”, relatou Maria Fernanda em seu twitter.

Uma publicação compartilhada por María Fernanda Mora (@marifermora_90) em

Segundos depois, o que se seguiu foi uma explosão de fúria quando ela bate em um dos agressores com o microfone. E bateu pouco, aliás.

O torcedor que levou as microfonadas finge que não está entendendo a reação da repórter. Após afastá-lo, ela mal consegue falar. Em seguida, cortaram para o estúdio.

“Uma situação um tanto complicada”, comentou um dos âncoras que do telejornal. “Lamentável. É inaceitável que os torcedores do Chivas se comportem desta maneira”, disse outro.

Já um pouco recuperada, Maria Fernanda agradeceu as mensagens de apoio que recebeu nas redes sociais: “Eu aprecio cada mensagem, cada tweet e cada chamada de todos aqueles que mostraram apoio e solidariedade. Vou abordar o assunto com a cabeça mais fria e depois de algumas horas de sono. Mas, na verdade, o apoio foi extremamente reconfortante.”

Assista ao vídeo:

Comentários no Facebook